Follow:
Aeroportos Brasil Perrengues Reino Unido Scrapbooking Updates

Brasil na Pandemia e a volta ao novo normal

Depois do último post falando sobre como foi viajar ao Brasil para o enterro da minha mãe, ainda voltei em 2020. Viajei no mês de outubro para resolver pendências e burocracias, já que, mesmo morando no Reino Unido, tenho várias coisas pra acertar no Brasil.

Já adianto que não foi uma viagem a turismo. Eu reservei essa viagem há meses, pois iria visitar minha mãe e cuidar dela durante essa fase difícil, infelizmente esse fato trágico ocorreu. Ainda estou abalada com a situação, é bem por isso que deixei de escrever no blog durante esse tempo.

tinha dois scrapbooks preparados, o do México e Nova Iorque e uma viagem pela costa norte da Inglaterra.

O blog ainda está na ativa, recebi várias mensagens, a maioria relacionada a vistos e nem assim tive tempo ou vontade de responder. Relembrando aqui que não deixei de trabalhar desde o começo da pandemia. Eu trabalho em serviço essencial aqui no Reino Unido, portanto nem dinheiro do governo eu recebi, como a maioria.

Eu me cuido bastante e sou bem paranoica. Felizmente há uma luz no fim do túnel, eu sei, usar palavras clichês não é bom, mas ajuda a compreender o que estamos passando.

aeroporto internacional de Brasília, viajar de avião continua a mesma coisa.

O novo LOCKDOWN

Aqui no Reino Unido, as coisas estão melhorando, e já dizem que o LOCKDOWN (este já é o terceiro) vai terminar em julho. Ainda não fui convidada a tomar a vacina, mas já estou na lista pra tomar até o fim de maio. Com isso em mente, já estou programando minhas viagens para o ano de 2022.

O governo daqui está realmente preocupado com as variantes do Brasil e da África do Sul, portanto viajar ao Brasil nesse momento é inviável, pois além de pagar uma fortuna em passagens, na volta você terá a obrigatoriedade de pagar uma taxa ao governo para ficar em quarentena em um hotel escolhido por eles durante 14 dias.

O valor: 1750£.

É isso que um governo preocupado com a população faz, implementa medidas necessárias e drásticas para conter um vírus que causa mortes e mata diariamente. Ainda sou otimista em relação à pandemia, espero que esta diminua até o começo do ano que vem, e, assim, nós aqui possamos voltar a uma vida minimamente normal.

Remarcação das passagens

Marquei minhas férias de julho para o México, iria voltar ao país com a minha irmã e também iríamos a Nova Iorque, a viagem já estava toda programada, passeios, hotéis. Tudo cancelado por conta da pandemia, e isso não foi problema, só tivemos que postergar para o próximo ano.

E ainda estou lidando com a OPODO que é tipo uma decolar daqui do Reino Unido que não quer devolver em nada os valores das passagens canceladas.
UPDATE: felizmente me devolveram o dinheiro e posso comprar outra passagem.

Também programei uma viagem em novembro para ir ao Brasil visitar minha família, mas infelizmente a companhia aérea cancelou o bilhete, sendo assim, ainda estou esperando o reembolso desse bilhete da Virgin Atlantic.

Ou seja, tive dois bilhetes cancelados e nem sinal de quando vão me pagar. (felizmente me pagaram os dois bilhetes).

Viajando com a Lufthansa ao Brasil

Segunda viagem com a Lufthansa em menos de 6 meses, por conta da pandemia as passagens estavam muito baratas, dessa vez viajei de plus econômica e na volta de executiva.

Meu voo BHX-FRA durou umas 2 horas, ofereceram água e um lanche, o uso de máscara era obrigatório, no voo FRA-GRU o serviço foi praticamente igual ao já oferecido em viagens em tempos normais. Eles não mudaram em nada o serviço de bordo, foram oferecidos jantar e na chegada a São Paulo um café da manhã.

Na ida me pediram o passaporte brasileiro e me falaram que só cidadãos brasileiros estão aptos a viajar ao Brasil na pandemia, e na volta tive que mostrar o passaporte britânico e o formulário preenchido, somente assim poderia embarcar ao Reino Unido. Eles estão autorizando somente residentes e cidadãos.

Teste de COVID

Nessa época ainda não pediam o teste PCR, mas agora além da quarentena, o teste é obrigatório.

No aeroporto há regras bem rígidas, principalmente na Alemanha. Eu não fiz teste de COVID, mas é necessário preencher um formulário na página do GOV.UK falando onde e quando a viagem será realizada e mostrar o tal formulário na volta para o Reino Unido.

Assim que cheguei, fiz o teste que deu negativo, foi tudo muito rápido, me enviaram o teste pelo correio e devolvi por envelope pago. O resultado saiu em dois dias úteis, o governo oferece o teste gratuitamente. No total já fiz mais de 5 testes de COVID, mas agora só viajo quando tomar a tão esperada vacina.

Salve essa imagem no Pinterest pinterest

 

Leia também:

Previous Post Next Post

22 Comments

  • Reply Moises Batista Da Costa

    São tempos dificeis. Eu viajei durante a pandemia ano passado. Em pleno outubro eu e um colega fomos de moto aos lençois maranhenses e passeamos pelo nordeste. Meus sentimentos por sua mae.

    7 de março de 2021 at 03:10
    • Reply Flavia Donohoe

      Obrigada, foi muito difícil viajar, tanto pelo fato de ir a um velório, quanto pela situação da pandemia, o medo era constante! Abraços

      8 de março de 2021 at 11:42
  • Reply roberto caravieri

    Bom saber esses relatos. O novo normal veio pra deixar tudo diferente,vamos ter que nos acostumar. Espero que tudo isso acabe logo epossamos viajar mais. Abraços pra você.

    7 de março de 2021 at 20:57
    • Reply Flavia Donohoe

      Realmente, teremos que nos acostumar a esse novo tipo de viagem, mas felizmente com a vacina, tudo vai ficar melhor!

      8 de março de 2021 at 11:44
  • Reply Maria João Proença

    Antes de mais, os meus sentimentos pela sua mãe. 🙁 As dicas que partilhou são ótimas para quem precise viajar para o Brasil nesta altura, sem dúvida!

    7 de março de 2021 at 21:35
    • Reply Flavia Donohoe

      Obrigada Maria, foi uma situação bem difícil, mas temos que enfrentá-la, o pior é a viagem, pois tem que se tomar muito cuidado! Espero que tudo melhore com a vacina! Abraços

      8 de março de 2021 at 12:19
  • Reply Analuiza T. Carvalho

    Não consigo enxergar esses tempos atuais como “novo normal”. Vejo como tempos duros que terão um fim. Quando? Nem ideia! Por aqui, novo lockdown, sem previsão de finalizar. Meus pais já foram vacinados, mas o processo é bem lento e por isso mesmo, não vejo luz no fim do túnel. O Brasil é um país enorme, se comporta mal… Então, acho que esses tempos sombrios para nós, ainda vão demorar muito.

    Por isso, nem me atrevo a programar viagens (posso eventualmente pensar em alguma praia próxima à minha cidade, se e quando os números de mortos/contaminados baixarem). Há 1 ano procuro ficar recolhida em casa, sem visitar ninguém, saindo o estritamente necessário. Vivendo 1 dia de cada vez! bjus Flavia e força na saudade que sentes da ausência de sua mãe.

    8 de março de 2021 at 13:57
    • Reply Flavia Donohoe

      Muito certa na sua explicação, tempos normais demorarão a voltar, infelizmente o governo brasileiro não ajuda, eu espero que as coisas melhorem por aí, ótima notícia que os idosos estão sendo vacinados, pelo menos isso! Minha próxima viagem está programada para o ano que vem e nem é a turismo, é por necessidade mesmo, mas como você mesmo disse, um dia de cada vez. Abraços

      9 de abril de 2021 at 11:30
  • Reply ana

    Aqui em Santa Catarina ainda não estamos nessa fase do novo normal, infelizmente a coisa piorou.

    8 de março de 2021 at 14:36
    • Reply Flavia Donohoe

      Esperemos que a situação do Brasil melhore, pois pelo jeito não será tão fácil!

      9 de abril de 2021 at 11:32
  • Reply Gabi Torrezani

    Pois é, tenho a sensação de que a coisa ainda vai longe no mundo todo, mas especialmente aqui no Brasil. Gostei de ler seu relato! Tomara que a vacine chegue logo pra todos!

    8 de março de 2021 at 17:48
    • Reply Flavia Donohoe

      Pelo jeito vai demorar muito a volta ao normal, quando fiz esse post todas essas variantes e milhares de mortes não estavam acontecendo no Brasil, só espero que as coisas melhorem rápido, pois não vejo a hora de voltar ao Brasil! Abraços

      9 de abril de 2021 at 11:36
  • Reply Carol

    Que maravilha que você conseguirá tomar a vacina até o final de maio. Aqui no Brasil as coisas devem demorar. Acho que só serei vacinada no ano que vem…

    8 de março de 2021 at 18:59
    • Reply Flavia Donohoe

      Sim, eu estou bem apreensiva em relação a minha irmã que ainda mora no Brasil, mas pelo menos uma de nós será vacinada. Abraços

      9 de abril de 2021 at 11:31
  • Reply Danielle

    Primeiramente, eu gostaria de desejar muita força e fé, devido a perda de sua mãe. Meus pêsames! Que trágica lembrança você terá desse período da pandemia, muito triste!
    Os voos estavam bem baratos mesmo, mas agora, talvez seja interessante aguardar mais tempo para viajar novamente para outro país. Quase todas as fronteiras estão fechadas para brasileiros.

    8 de março de 2021 at 22:21
    • Reply Flavia Donohoe

      Obrigada Danielle, acho que essa época será uma trágica lembrança pra muitos no mundo e principalmente no Brasil é uma situação de impotência e parece que nada está sendo feito, só nos resta confiar que mudanças ocorrerão. Como eu moro na Inglaterra e tenho cidadania eu até que posso viajar, o problema é na hora da volta que você precisa passar por uma quarentena rigorosa e caríssima, a solução é ficar em casa mesmo, e só viajar quando tudo isso terminar, abraços

      9 de abril de 2021 at 11:42
  • Reply Cintia Grininger

    Sinceramente, não acho que tenha algo de normal nessa situação de insegurança que estamos todos vivendo 😔 Não tinha viagem de avião programada mas já tinha um planejamento de viagens para todo ano passado, que claro, não se concretizou. Considero a situação do Brasil, em especial, totalmente caótica devido à falta de organização (e descaso) do governo federal, o que aumenta ainda mais a sensação de insegurança…

    9 de março de 2021 at 11:52
    • Reply Flavia Donohoe

      Concordo plenamente, só espero que as coisas no Brasil melhorem, pois não vejo a hora de voltar! Abraços

      9 de abril de 2021 at 11:42
  • Reply Lulu Freitas

    Tempos difíceis e que temos que nos adaptar. Houve a exigência de algum modelo de máscara específico para usar durante os voos?

    9 de março de 2021 at 18:13
    • Reply Flavia Donohoe

      Realmente Lulu, tudo está piorando, nos voos era obrigatório o uso de máscara cirúrgica, pelo menos nos da Lufthansa, acho que as máscaras de pano não são mais permitidas durante o voo e nas aeronaves.

      9 de abril de 2021 at 11:44
  • Reply ANDRESSA

    Olá! Primeiramente sinto muito por sua mãe e desejo muito força para você e sua família! Eu também tive que viajar durante a Pandemia dentro do Brasil tanto de ônibus como de avião e aqui percebi que não tem nem a metade das precauções que você citou em relaçãoa outros países. Viajar por enquanto, só se necessário ;(. Dias melhores virão! Obrigada pelo relato! Grande abraço!

    11 de março de 2021 at 14:36
    • Reply Flavia Donohoe

      Obrigada Andressa, realmente viagens só se for necessário, viajar a turismo é um tanto quanto irresponsável, mas espero que as coisas melhorem até o fim do ano, pelo menos! Um grande abraço

      9 de abril de 2021 at 11:49

    Leave a Reply

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    Loading Facebook Comments ...
    %d blogueiros gostam disto: