Follow:
Itália Mochilão Europa Museus Pontos Turísticos Walking Tour

O Panteão de Roma!


Já falei sobre outro Panteão por aqui no blog, o de Paris, mas sem dúvida o de Roma deixa qualquer um no chinelo, a construção é algo grandiosa e chama bastante atenção! Como o nome sugere, o Panteão foi dedicado a todos os deuses! Encontra-se no Campo de Marte romano. Em seu interior, a entrada é marcada por um profundo pórtico, a cúpula apresenta uma sólida estrutura formada por cinco ordens de caixotões que apontam na direção ao óculo circular que a remata. O interior de mármore e as grandes portas de bronze resistiram ao passar do tempo, ainda que estas últimas tenham sido restauradas mais de uma vez. Ele também é conhecido como o Panteão de Agripa, e é o único edifício construído na época greco-romana que ainda se encontra em perfeito estado de conservação.
Nos inícios dos anos 60, o edifício foi consagrado como igreja recebendo a designação de Santa Maria dos Mártires, processo de apropriação religiosa que foi responsável pela sua conservação durante mais de dezoito séculos. Nesta altura os grandes nichos laterais foram redecorados, recebendo imagens cristãs.

 
















O Panteão original foi construído em 27 a.C, durante a República Romana, durante o terceiro consulado de Marco Vipsânio Agripa. Sendo assim, o seu nome está inscrito sobre o pórtico do edifício. Lê-se aí: M.AGRIPPA.L.F.COS.TERTIUM.FECIT, o que significa: “Construído por Marco Agripa, filho de Lúcio, pela terceira vez cônsul”.

O Panteão nasceu do seu desejo de fundar um templo dedicado a todos os deuses, num gesto ecumênico ou sincretista que abarcasse os novos povos sob a dominação do Império Romano. Como já mencionei antes, este foi um dos edifícios que mais me impressionaram na viagem, nunca pensei em ver uma construção gigantesca como essa, é realmente de encher os olhos! 
Próxima parada, Coliseu de Roma! Até!

Leia também:

Previous Post Next Post

No Comments

Leave a Reply

Loading Facebook Comments ...
%d blogueiros gostam disto: