Follow:
Argentina Bolívia Mochilão Argentina Mochilão Bolívia Mochilão Peru Peru Preparativos Roteiro

FAQ Mochilão América do Sul!







Muitos blogs e mochileiros dizem que uma coisa que realmente funciona na Bolívia e no Peru é barganhar ou penchichar, tudo é negociável, dos preços das passagens de ônibus, hospedagem, comida até as lembrancinhas, eles colocam o preço em dobro esperando que você peça desconto. Tenha sempre alguns dólares ou libras no meu caso como reserva de emergência, muitos dizem que cartões não funcionam bem e que às vezes eles não aceitam.
As compras, passeios e hostéis é sempre bom fazer o pagamento em moeda local, o pagamento em dólares é bom fazer para os passeios ao Salar e o de Machu Picchu. Guarde trocados, pois quase ninguém tem troco. 

Antes de se livrar do dinheiro na fronteira, pergunte sobre as taxas, alguns cobram a taxa de saída, inclusive nas rodovias. Uma dica importante e que sempre sigo, é guardar os cartões e o dinheiro em um money belt, inclusive o passaporte, e é sempre bom distribuir o dinheiro em mais de um lugar pela mochila e pelo corpo. No próximo post falarei mais sobre o nosso Roteiro, quais lugares vamos passar e quanto vamos gastar.






Atualização dia 13/12/2011, hoje fomos minha irmã e eu ao aeroporto de Brasília, na sala da Anvisa buscar nossos cartões de vacina internacional, com a vacina da febre amarela. Tudo ia bem, até o momento em que o atendente olhou nossos cartões e viu que faltava o número do lote na vacina de febre amarela que foi feita em uma grande campanha no ano de 2007, moral da história, quase ficamos sem cartão por esse erro do posto de saúde que não se dignou a colocar o número do lote na vacina. Pois bem, verifiquem se seu cartão de vacina está completo, se não vá a um posto de saúde e resolva o quanto antes. Agora sim com as cartões prontos, só falta o roteiro.
Árbol de Piedra e o Salar de Uyuni.

Leia também:

Previous Post Next Post

1 Comment

  • Reply Flávia Santos

    Hoje eu fui ao aeroporto de Brasília, na sala da Anvisa buscar nossos cartões de vacina internacional, com a vacina da febre amarela, tudo ia bem, até o momento em que o atendente olhou nossos cartões e viu que faltava o número do lote na vacina de febre amarela que foi feita em um grande campanha no ano de 2007, moral da história, quase ficamos sem cartão por esse erro do posto de saúde que não se dignou a colocar o número do lote na vacina. Pois bem, verifiquem se seu cartão de vacina está completo, se não vá a um posto de saúde e resolva o quanto antes. Agora sim com as cartões prontos, só falta o roteiro.

    13 de dezembro de 2011 at 23:50
  • Leave a Reply

    Loading Facebook Comments ...
    %d blogueiros gostam disto: