Follow:
Cinema

El Rey del Barrio “Cine Mexicano”

Cine Mexicano(El Rey del Barrio)
El Rey del Barrio (1949)
Esse é o filme número 18 da lista dos cem melhores filmes mexicanos de todos os tempos. Dirigido por Gilberto Martínez Solares e produzido por Felipe Mier. Músicas “Contigo”,”El piojito”,”Cabio-sili”,”La barca de oro”,”Sempre libera”(de “La Traviata”) y danzón “Nereidas”. Protagonizado pelo mais brilhante ator mexicano da época “Germán Valdés” o famoso “Tin Tan”, com participação ainda de Silvia Pinal e de seu irmão Ramón Valdés, o eterno “Seu Madruga”.  


Sinopse

Caricato e malandro, o jovem Tin Tan, que trabalha na ferrovia local, se empenha em proteger a sua jovem vizinha Carmelita, apesar de que ela recusa sua ajuda. Na realidade, Tin Tan é o chefe de uma quadrilha de bandidos que se dedicar a roubar milionárias, se fazendo passar por músicos, pintores e cantores de flamenco. Esse moderno Robin Hood se complica ao ver que Nena, uma de suas milionárias conquistas cai ao seus encantos e quer se casar com ele.
Tin Tan é possuidor de um excelente ritmo cinematográfico, desde os seus começos e é uma alternativa jovem e moderna no panorama cômico do cinema mexicano. Ele conseguiu se converter em pouco tempo na perfeita antítese do “cómico de la gabardina”. Em seus dois melhores filmes “Calabacitas tiernas” (¡Ay que bonitas piernas!) de 1948 e o “El rey del barrio” de 1949, vemos a gama de versatilidade que o caracterizou em sua época de glória e uma magistral capacidade de aparecer, permitindo ao mesmo tempo o aparecimento dos seus companheiros de cena. “El rey del barrio” é também uma divertida paródia do melodrama mexicano. Situada no reconhecível ambiente dos pobres, o filme apresenta uma versão bem humorística dos personagens e situações que fizeram célebre o filme “de Nosotros los pobres” de 1947. 



Acrescentando ainda uma série de loucuras que quebram toda a solenidade possível. Dessa maneira o humilde Tin Tan se converte em um pintor francês, um gangster de Chicago, um bailaor de flamenco e até um professor de italiano de canto, sem que esses jogos fiquem fora do lugar do contexto de um bairro típico da Cidade do México.





Apoiado por um excelente grupo de atores, em que se destaca o famoso “carnal” Marcelo e seu irmão “Ramón Valdes”. Tin Tan conseguiu graças a filmes como “El rey del bairro” ser o comediante mais famoso das terras mexicanas. Meio século depois ele continua reinando entre seus súditos que o lembram com imenso carinho.


Fonte: http://cinemexicano.mty.itesm.mx/front.html


Leia também:

Previous Post Next Post

4 Comments

  • Reply Anônimo

    Flavita!!
    Adoreeeei a aula de mexicano. Conhecia poucas dessas gírias: cuero, “chingar”, chela, cachar, compa, cool, acho que só. hehe Quando precisar consultar o vocabulário mexicano, já sei onde encontrar. Gracias maestra!
    beijos
    Ana

    14 de novembro de 2005 at 15:05
  • Reply Jairo "El malo" Garcìa

    Hey què tal!!! me gusta tu blog! està muy enfocado a la cultura mexicana jeje.
    Te acabo de leer en un foro mexicano (www.rocksonora.com), es un foro en el cual yo posteo desde hace dos años y aprovecho para darte la bienvenida desde aquì 😉

    16 de novembro de 2005 at 09:48
  • Reply Anônimo

    ???Qué, Qué, Qué, Qué, como???
    entonces, cuando me dices ‘huguito el coyote’ quiere decir el hombre que se encarga ilegalmente del trámite de documentos falsificados?
    pienso que te caigo mal, he?
    mira, si soy coyote, voy a regalarte un falso documento, facilitando el acesso hasta mi casita, ya que no más me hás visitado.
    😛
    bleh.

    1 de setembro de 2006 at 00:00
  • Reply Flávia

    Hugo, eres un fenomeno..jejejejeje, pero te llamo el coyote por q piensas listo, jajajaja, no te preocupes amigo, el post es viejo pero solo ahora lo vi, tu crees?? Disculpame por tardarte en contestarte…solo ahora aparecio los antiguos comentarios…besitos mi lindo Huguito el coyote…
    😛
    bleh.

    1 de setembro de 2006 at 15:06
  • Leave a Reply

    Loading Facebook Comments ...
    %d blogueiros gostam disto: