Follow:
Bélgica Bruxelas Europa Inglaterra Londres Mochilão Europa Terminais Trens e Metrôs Vida no UK

De Eurostar de Bruxelas a Londres!


Saí da Inglaterra de Eurostar e voltei de Eurostar, mas não pela França e sim pela Bélgica. O terminal da vez foi a Estação de Brussels Midi, voltei sozinha, a minha irmã ainda passaria novamente pela França e logo voltaria para Londres. O local é bem mais simples que a Estação de Londres já que o terminal St. Pancras International é gigantesco. Com o destino final em Bruxelas, todos os trens do Eurostar vão desembarcar nessa estação Midi, o metrô é dentro da estação, então sem problemas! A viagem durou mais ou menos 1h e 50 minutos, o trem pára em algumas estações pela Bélgica, França e em Dover na Inglaterra, além disso o trem passa pelas cidades francesas de Calais e Lille, esta primeira um dos postos de imigração mais cheios pra quem quer entrar no Reino Unido de carro ou ônibus. Como em Londres, a imigração foi feita em Bruxelas, então é preciso mostrar toda aquela documentação básica pra entrar no Reino Unido novamente. 



Comprei o billhete de ida com dois meses de antecedência, portanto paguei algo como 39£, mas esse da volta comprei em cima da hora pra voltar direto de Bruxelas pra Londres, portanto saiu um pouco mais caro, 76€, a viagem durou mais de 2 horas, mas assim que cheguei o horário diminuiu 1 hora. 

Como tinha comprado o bilhete pela internet, antes do embarque já estava disponível pra buscá-lo na estação Midi nas máquinas self-services que ficam próxima a entrada do Eurostar. Aqui, bastante atenção, pois sem o cartão de crédito da compra é impossível pegar o bilhete! 
É recomendável chegar 1 hora antes, às vezes o trem atrasa, mas é melhor esperar do que perdê-lo!
Até o banheiro já entrou no clima britânico!













O eurostar é um pouco diferente dos trens comuns na Inglaterra, é imprescindível fazer o check-in pelo menos 30 minutos antes, caso contrário, já era, é bem simples e é feito na hora de entrar na parte reservada ao Eurostar tanto na estação de St. Pancras, ou na Brussels Midi, ou na Gare du Nord em Paris. É necessário passar pela imigração também, o processo é mais ou menos igual ao dos aeroportos, portanto é preciso levar passagens que comprovem que vai deixar o país, reserva de hotel, enfim, tudo o que julgar obrigatório e que comprovem que não há intenção de permanecer no país de destino. 

Como já disse passei pela imigração francesa no terminal St. Pancras, e pela imigração inglesa no terminal Brussels Midi! 

O controle de segurança é mais simples do que o de aeroporto. Não há necessidade de se preocupar com o limite de 100ml de líquidos na bagagem, mas tanto nós como as bagagens, somos obrigados a passar pelo raio-x, depois de todo o procedimento, é só esperar na sala de espera do Eurostar, ali tem alguns bancos, cafés, caixas eletrônicos e lojinhas de souvenirs (inclusive comprei meu íma da Bélgica ali), além de ter wi-fi e várias tomadas espalhadas para usar o computador ou carregar o celular, alguns trens possuem tomadas próximas aos bancos, portanto bem tranquilo, caso o celular descarregue! 

O acesso a plataforma é feito através de uma escada rolante, já na plataforma é só procurar o vagão pelo número eletrônico no próprio trem.

Como já falei antes, viajar de Eurostar é uma experiência bastante agradável e confortável, e pra quem já está acostumado a utilizar o trem na Inglaterra ou na Europa, não sentirá muitas dificuldades. 

O trajeto é curto e a paisagem é sem dúvida um dos atrativos da viagem.
Site: http://www.eurostar.com/uk-en

Leia também:

Previous Post Next Post

7 Comments

  • Reply Unknown

    Oi, comprando o trecho Londres Bruxelas Midi (não falo do all belgium station) pela eurostar pode-se pegar outro trem para a estação Central de graça?

    4 de setembro de 2014 at 02:59
  • Reply Flávia Donohoe

    Olá, quem quiser incluir o trecho do metrô para qualquer estação dentro de Bruxelas é necessário selecionar na hora de comprar o ticket do Eurostar, procure a opção “Any Belgian Station”, não é cobrado nada a mais por isso.

    Sendo assim optamos por seguir viagem até a estação principal de trem, a estação “Brussels Centraal”, de onde trocamos pra pegar o metrô! Abraços

    4 de setembro de 2014 at 10:56
  • Reply Unknown

    Na verdade colocar esta opção aumentava em 10 euros. 🙁 tem alguma dica?

    6 de setembro de 2014 at 11:43
  • Reply Flávia Donohoe

    Sério?! Isso tá muito estranho, talvez seja porque eu fui ano passado. Pode ser que eles estejam cobrando a mais por esse tipo de serviço! Olha, o que você pode fazer é comprar o ticket unitário ou pagar o ticket diário, se você for da Midi/Zuid pra Estação Centraal são 10 minutos e custa 2 euros! Lá eles são bem chatinhos com o bilhete, então é melhor comprar!

    6 de setembro de 2014 at 12:08
  • Reply Quarto de Viagem - De eurostar (de novo) para Paris [FEV. 2016]

    […] retorno, voltamos pela estação Gare du Nord, a mesma que você chega vindo de Londres, em 2013 eu voltei pela estação Brussels Midi, o procedimento é o mesmo, a imigração é feita na França ou em […]

    7 de junho de 2016 at 14:47
  • Reply Quarto de viagem - Museu e rota dos quadrinhos em Bruxelas - Quarto de viagem

    […] Queremos fazer Bruges, Luxemburgo, Suíça e Liechtenstein! Depois de Bruxelas peguei o Eurostar novamente e voltei pra Londres, de lá Malvern e mais 2 semanas de […]

    7 de janeiro de 2017 at 23:45
  • Reply Quarto de viagem - Bruxelas, a capital da união europeia - Quarto de viagem

    […] relatos, chegamos a Bruxelas, de lá eu ainda seguiria de volta pra Paris e depois Inglaterra pelo Eurostar, mas sobre estes dois últimos já falei por aqui! Agora morando na Inglaterra, fica bem mais fácil […]

    7 de março de 2017 at 17:38
  • Leave a Reply

    Loading Facebook Comments ...
    %d blogueiros gostam disto: